quinta-feira, 4 de janeiro de 2007

Duas Vitis Vinifera

Duas Vitis Vinifera Bonsai


Têm cerca de 80 anos e o seu propritario e autor, contou um pouquinho da sua historia que me pareceu interessante e decidi partilhar.

BONSAI COM HISTORIA
DUAS VITIS VINIFERA

Proprietario: Mickael Rusnak, membro da "Akron Canton Bonsai Society" em Ohio,Estados Unidos.

A  historia dos dois Bonsai pelas palavras de seu proprietario.

 Mickael Rusnak

Estes dois bonsai de Vitis vinifera Concord têm aproximadamente 80 anos. Eram originalmente vinhas na casa dos meus pais em Akron, Ohio.

Aqui o meu pai e minha mãe com as duas parreiras por detrás em 1955


Aqui em 1972 - As videiras estão no canto superior direito.


A arte do bonsai traz uma planta comum a uma outra observação, obriga a observar detalhes, detalhes que podem ser negligenciados na natureza.






  Embora estas vinhas estivessem na traseira do meu próprio patio , durante todo o meu crescimento, nunca percebi, por exemplo, a forma ímpar de flores dos seus frutos.





... ou o surpreendente vermelho e verde roseta  da aparição dos rebentos.
Há também as cores vermelha e verde brilhante nas folhas novas, entre outras texturas e cores nos dois bonsai.




E dos dois Bonsai de Vitis Vinifera que possuo em minha coleção:

A  que eu chamo de "Larger Grape"
Aqui no meu espaço Bonsai
2005


No verão de 2006


E aqui em exposição:

2006

 Agosto de 2009


E a minha outra da mesma especie.
 Que lhe chamo "Smaller Grape".

Em 2005

Em 2007

Em 2008
Todos os anos com a apresentação de uma folhagem diferente.

Estas foram algumas fotografias das duas Vitis da minha própria coleção.  Para algumas das árvores, eu gosto de recolher imagens,e o seu passado, de como elas diferem ou se desenvolveram de ano para ano. O Bonsai traz árvores comuns a uma observação diferente. Coloca a árvore de forma isolada. Força-nos a perceber detalhes - formas, sombras e cores. Mesmo os espaços vazios entre os seus elementos se tornam aparentes e ambos importantes. Desta forma, bonsai pode transformar o vulgar em algo único, algo dramático, algo bonito.

Publicado:16-02-2010

2 comentários:

Nuno 17 de fevereiro de 2010 às 16:12  

Estou a ver que estás um apaixonado pelas videiras. Um grande abraço
Nuno Nunes

Rodrigo Sousa 18 de fevereiro de 2010 às 05:04  

Viva Nuno.
É verdade!!
Para a semana vou ver se peço duas em casamento.
Espero não ser preso...por bigamia!!

Um abraço e bem aparecido..

eXTReMe Tracker

  © Blogger templates ProBlogger Template by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP